(31) 9 9708-6211

Segunda a sexta, de 14h30 às 21h30​

(31) 3571•9300

Segunda a sexta, de 14h30 às 21h30

Engenharia de Produção: entenda o que esse profissional faz e onde ele pode atuar

Compartilhar artigo

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Afinal, o que um(a) Engenheiro(a) de Produção faz?

O Engenheiro de Produção é um profissional formado para diagnosticar e resolver as questões administrativas e de engenharia de mercados específicos. Dessa forma, é um(a) funcionário(a) gabaritado que controla o processo de fabricação e todos os recursos necessários para isso – sejam humanos ou não. No cotidiano, o(a) profissional trabalha com sistemas de compra e estoque, programação de máquinas e gerenciamento de equipes. São suas funções calcular e reduzir o custo produtivo, sem permitir que o produto perca a qualidade. Dependendo da empresa que o contrata, também pode ser sua tarefa garantir a ergonomia e a segurança no trabalho. Isso porque são questões que garantem que as atividades humanas sejam desenvolvidas com bem-estar, segurança e conforto. Além disso, também é incumbência do(a) engenheiro(a) de produção garantir que a mercadoria chegue ao consumidor final com todas as características garantidas no processo de fabricação. E, claro, esse(a) engenheiro(a) é responsável por planejar essa entrega sem perda de insumos nem outros prejuízos.

O que você vai aprender durante a faculdade de Engenharia de Produção?

Durante todo o ciclo básico, o estudante de Engenharia de Produção estuda disciplinas fundamentais da área de engenharia, como cálculos, geometria analítica, desenho técnico, física, estatística e disciplinas de tecnologias digitais, como programação e algoritmos e estrutura de dados. A partir do quarto período, o(a) futuro(a) engenheiro(a) de produção estuda questões ambientais aplicadas à indústria em geral, aprofundamentos de mecânicas, processos industriais em geral, gestão de custos, de qualidade, questões operacionais em geral, logística, disciplinas voltadas para a gestão pessoal, incluindo ergonomia, segurança do trabalho, gestão de projetos. O estudante ainda cursa pesquisa operacional, automação industrial, administração da manutenção, engenharia econômica, além de disciplinas em torno de ciências humanas, como sociologia, direitos humanos, etnia racial, filosofia, ética, responsabilidade social. Por fim, os melhores cursos exigem a realização de um trabalho de conclusão de curso (TCC) e garantem acompanhamento de excelentes professores no seu preparo e execução. É muito importante verificar a ementa da faculdade que você quer cursar, para ver se ela procura oferecer matérias necessárias às atribuições do mercado.

Em quais áreas o(a) Engenheiro de Produção pode atuar depois de formado?

O(a) profissional formado em Engenharia de Produção é requisitado(a) nas indústrias dos mais variados segmentos. Por ter formação ampla, porém direcionada à administração e engenharia, trata-se de uma profissão necessária em empresas de base, como mineração, metalurgia, siderurgia, construção civil, até indústrias de cosméticos, de produtos alimentícios, vestuário, concessionárias de automotivos, fábricas de eletroeletrônicos, entre tantos outros setores. Em todo esse mercado, o(a) Engenheiro de Produção pode atuar em coordenação de setores até em gerências mais gerais. Por tudo isso, e pelas funções essenciais que realizam nas empresas, esses profissionais estão entre os com melhores remunerações nas engenharias.

Como é a expectativa de futuro da Engenharia de Produção no Brasil?

Países em desenvolvimento como o Brasil investem amplamente em indústrias de base, atuam na exportação de insumos essenciais, além de necessitarem de constantes obras de construção civil de todo tipo para crescerem mais e melhor. Todos esses setores se mantêm em crescimento em países que ambicionam algum crescimento, como o Brasil. E todos eles precisam do(a) profissional de Engenharia de Produção. Por isso, trata-se de uma profissão com excelente situação no mercado atual e com ótima expectativa de futuro a curto e longo prazo. Entre as engenharias, a Engenharia de Produção é a que se faz presente em mais áreas e possui mais postos de trabalho. É, ainda, a engenharia mais requisitada em processos seletivos, e para confirmar isso basta fazer uma rápida busca em aplicativos e sites de vagas de trabalho.

A Faculdade Asa oferece um excelente curso de Engenharia de Produção, conta com professores muito capacitados academicamente e com prática empresarial, importante para formar profissionais bem qualificados para a atuação no mercado. Os estudantes podem contar com bolsas de estudo de 30 a 60% durante todo o curso, obtidas a partir de notas conquistadas no ENEM dos últimos 10 anos. Saiba mais no site da faculdade e inicie logo o seu curso em Engenharia de Produção!

Conheça mais sobre a Faculdade Asa